quarta-feira, 16 de janeiro de 2019



Sabia que em 2019 as horas extraordinárias passam a ser objecto de retenção na fonte autónoma?

Conheça o novo tratamento das Horas Extra de acordo com o OGE 2019:

A partir do novo ano de 2019 as horas extraordinárias pagas, bem como as remunerações de anos anteriores, passam a ter taxa de retenção na fonte autónoma, tal como já acontecia com o subsídio de férias e o subsídio de Natal.

Exemplo: 

Miguel Alves, casado, dois titulares, um dependente.
Aufere os seguintes rendimentos do trabalho dependente no mês de Março de 2019:
Remuneração mensal base – 1100 euros
Horas extraordinárias – 300 euros

Regras até 2018: 

Soma dos rendimentos = 1.100 + 300 = 1.400 euros
Taxa de retenção na fonte – tabela III = 16,1% (de acordo com as tabelas ainda em vigor)
Valor de retenções na fonte = 1400 x 16,1% = 225,4 – de acordo com o artigo 99 E, n.º 1 do CIRS - A importância apurada mediante aplicação das taxas de retenção é arredondada para a unidade de euros inferior, pelo que o valor a reter ao trabalhador será de 225 euros.

Novas regras a partir de 2019: 

Salário base, não é adicionado ao rendimento das horas extraordinárias para determinar a taxa de retenção na fonte

Taxa de retenção na fonte aplicável a 1100 euros (salário base) = 12% (tabela III)

A mesma taxa será aplicada às horas extra de forma autónoma:

Valores de retenção na fonte:
Salário base = 1.100 x 12% = 132 euros
Horas extraordinárias = 300 x 12% = 36 euros
Total de retenção na fonte = 168 euros
Diferença = 225 – 168 = 57 euros
O trabalhador descontará menos 57 euros de IRS, no entanto, a retenção na fonte é uma antecipação do imposto devido a final e esta norma apenas influencia a retenção na fonte no mês do pagamen¬to da remunerações, não influenciando o montante do IRS devido a final.

Os cursos de Fiscalidade da CERTFORM contemplam as diversas alterações introduzidas pelo OGE 2019.

Gostaríamos de contar com a sua presença! Ainda temos algumas vagas. Participe!

- CURSO PRÁTICO DE CONTABILIDADE E FISCALIDADE COM INFORMÁTICA APLICADA (DE ACORDO COM O SNC) previsto iniciar no PORTO no dia 19 de Janeiro às 10h a decorrer aos sábados das 10h às 13h, com a duração 16 sessões, ministrado pelos formadores: Dr. Miguel Fragoso;reconhecido com 72 Créditos pela OCC. 

- MINI-MBA FINANÇAS EMPRESARIAIS E FISCALIDADE APLICADA previsto iniciar em LISBOA no dia 21 de Janeiro, a decorrer às segundas-feiras das 19h às 23h, durante 12 sessões,reconhecido com 72 Créditos pela OCC. ;

- MINI-MBA FINANÇAS EMPRESARIAIS E FISCALIDADE APLICADA previsto iniciar no PORTO no dia 26 de Janeiro, a decorrer aos sábados das 9h às 13h, com a duração de 12 sessões,reconhecido com 72 Créditos pela OCC.;

- CURSO PRÁTICO DE GESTÃO FISCAL – IRS, TSU, IRC, IVA, EBF – previsto iniciar em LISBOA no dia 25 de Fevereiro, a decorrer às segundas-feiras das 19h às 23h, durante 9 sessões, ministrado pelo formador : Dr. Miguel Fragoso.;reconhecido com 54 Créditos pela OCC

- CURSO PRÁTICO DE CONTABILIDADE E FISCALIDADE COM INFORMÁTICA APLICADA (DE ACORDO COM O SNC) previsto iniciar em COIMBRA no dia 6 de Fevereiro de 2019 às 19h, a decorrer às quartas-feiras das 19h às 23h, com a duração de 12 sessões, ministrado pelo formador : Dr. Miguel Fragoso;reconhecido com 72 Créditos pela OCC.

- CURSO PRÁTICO DE GESTÃO FISCAL – IRS, TSU, IRC, IVA, EBF – previsto iniciar no PORTO no dia 6 de Fevereiro, a decorrer às quartas-feiras das 19h30 às 22h30, ministrado pelos formadores: Dr. Miguel Fragoso - curso reconhecido com 54 Créditos pela OCC;

Certificação: Será emitido um Certificado de Formação Profissional através do SIGO, tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho, que será atribuído aos formandos com um nível de presenças superior ou igual a 75%.

Estes Cursos são válidos para o cumprimento das 35 horas anuais de formação que as Empresas deverão proporcionar aos seus colaboradores.

Os formadores que ministram os cursos da CERTFORM aliam conhecimento e experiência.
Os nossos formadores são seleccionados na lógica dessa premissa, onde a qualificação académica e a competência profissional se conjugam com a capacidade de comunicar de forma assertiva, permitindo e potenciando o envolvimento dos nossos formandos. Os seus testemunhos são o garante da qualidade de quem os forma todos os dias.

Poderá consultar alguns dos testemunhos de antigos formandos da CERTFORM

Consulte também algumas das Empresas cujos colaboradores já frequentaram cursos da CERTFORM
Categories: , ,

0 comentários:

Publicar um comentário

Follow me on Twitter!